worshops de bebés

Na creche, tentam convencer-nos a participar num workshop sobre capacidades de linguagem e assim (gratuito). Recusamos, explicando que ela fala que se desunha e que workshop por workshop, um que a fizesse não confundir qualquer animal de 4 patas com um cão, incluindo o próprio pai quando está de gatas a apanhar comida que ela arremessou, era capaz de ser útil. A sério, fere a auotestima às tantas, aquele indicador espetado e o “cãaao”, para nós. À terceira insistência usam o argumento  “…mas é importante para ela”. O golpe.

Como se nós não soubéssemos que é relativamente importante a fala. Até admira termos aprendido a falar até agora, nós, vocês, os nossos pais. Foi uma sorte. Claro que valorizo o conhecimento dos especialistas (na verdade, não, não valorizo), mas vamos tentar chamar especialistas quando houver um problema que pensemos que só um especialista pode ajudar, como faríamos se ela falasse como o Vitor Gaspar (e os pais dele? já contactaram um especialista?) Agora aqui atenção. Já sei que há muito leitor deste blogue que pensa que se identifica comigo e com o meu desabafo e pensa “yah, esta mania moderna de achar que há tipo ciência em tudo, educar um filho é tipo o sentimento que conta” etc. etc. Incorrecto. Estais a ler o blogue errado, xô, aqui valorizamos o conhecimento porque, citando Jorge Jesus, experiência é co-nhe-ci-men-to.

Tenho alguma experiência de ir a workshops apenas para ser exposto a coisas que, epá, já sabia ou era fácil saber sozinho e que se dirigem à pessoa comum que, ao contrário de mim, não encomenda livros sobre tópicos como este e menos os lê e discute diariamente. E também tenho a experiência para ver como até no sistema de saúde e entre profissionais da saúde há tanta diversidade de opiniões como de histórias pessoais. Os workshops são muito bons para as pessoas que não lêem, nem sabem usar o google.

Já agora, na altura em absorvia mais informação sobre educar um bebé e discutia muito esse tópico, era confrontado com sabedoria popular e gozo, tipo “olha m’este armado em geek lol”. E aprendi que é completamente de evitar sugerir alterações ou ideias a outros pais, a não ser que eles se queixem, uns meses mais tarde. Até porque quero que a minha filha tenha vantagens competitivas no mercado de trabalho.

Anúncios

5 thoughts on “worshops de bebés

  1. A primeira versão que o meu feedly apanhou estava melhor. Aliás era um texto tão bom que estava para partilhar no twitter. Entendo o escrúpulo em retirar aquela referência, mas podias tê-la tirado (bolachas à muitas) e ter deixado o resto. Ohhhh…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s