a vizinha

Sei que já escrevi este post umas 3 vezes, mas o que querem? Sento-me para trabalhar em qualquer coisa interessante, olho pela janela do meu escritório, no entardecer, e lá está ela, o fraquinho platónico de juventude, a estender roupa de bebé, babetes, babygrows, de t-shirt larga, cinzenta e os longos cabelos de um lado do pescoço. O ogre do namorado ou marido a andar de um lado para o outro na cozinha a secar pratos e arrumar, a andar com a passada pesada e elefantina de um homem acabado. Interagem, parecem agastados e eu vejo isto a 100 metros de distância pela forma como ela bate com as costas de uma mão na palma da outra, enfim, a culpa não é dele, elas chegam e passado o amor físico primitivo focam-se em coisas como “não arrumes esses pratos aí, mete antes ali”.

Vista assim de longe a existência humana surge-me francamente deprimente, mas quem olhasse para mim de longe aqui há uns bons tempos veria algo semelhante, excepto com mais nudez, a minha ex andava muitas vezes nua. No início stressava imenso e corria baixar os estores, depois habiuei-me. A 100 metros de minha casa, 200, 300, alguém teria mais sorte do que eu tenho agora.

Anúncios

One thought on “a vizinha

  1. Esta recorrência da vizinha também daria um bom tema para discorreres em páginas diversas (com uma vantagem sobre o Hitchcock: um, digamos, literalmente pré-texto).

    Melhor do que queijos, a par das ventoinhas de tecto.

    ____
    p.s. – um dos teus temas que mais gosto de ler, diga-se, não tens que ‘Seiquejáescreviestepost umas3vezes,masoquequerem?’ Escreve, homem, escreve.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s